Atitudes

meditação,respiração consciente

“ Muitas vezes não fazer nada perante as situações da vida com que nos deparamos é fazer tudo. Outras vezes fazer tudo (pelo menos no que concebemos ser tudo naquele momento) é fazer nada. Isso só a maturidade poderá nos revelar. Mas há um grande professor disponível 24 horas por dia a nos guiar: o silêncio. Sim, o silêncio é sábio, reflete nossa essência, nossa alma. A questão é que geralmente estamos tão inquietos que não conseguimos ouvi-lo. Para atingir esse estado temos a respiração consciente, a meditação, a contemplação e a oração para aqueles que se dispuserem a tanto. Quando nos aquietamos interiormente, calamos a nossa tagarelice. Um novo mundo se descortina à nossa frente: o mundo interior. Feche os olhos, respire calma e profundamente, sinta o ar penetrando pela inspiração e se espalhando na expiração e como o seu corpo muda em cada um destes momentos. Abra mão do controle, entre em contato com você mesmo, deixe fluir. Que a cada respiração você se unifique e se permita conectar-se com sua paz. Dê uma chance a você mesmo.”
                                Sérgio Paffer

                   ©Todos os direitos reservados.

       Proibida a reprodução do conteúdo sem a permissão do autor. É permitido e desejável o compartilhamento desde que citada a fonte.

Foto: Reprodução.

Anúncios

A respiração abdominal

A RESPIRAÇÃO ABDOMINAL

Obs:este exercício não deve ser feito com o estômago cheio ou com muita fome. O ideal é fazê-lo pelo menos 30 minutos após as refeições.

Quando estiver muito estressado, com o emocional abalado, a melhor coisa a fazer é …nada. Feche os olhos, aquiete sua mente. Respire fundo, observe o simples ato de inspirar e expirar pelo nariz. Mais de 90% da percepção do que chamamos de “realidade” vem através dos olhos. Então os músculos que envolvem o nervo ótico são submetidos a uma carga absurda de estresse pelo excesso de leitura, tensão muscular, etc.. Fique numa postura ereta, numa cadeira com encosto reto, que lhe permita tocar os pés no chão encostando bem o quadril no assento para que toda a coluna fique bem alinhada. Respire tranquilamente, faça um convite à tranquilidade. Temos em nós todos os potenciais. Eles só esperam uma oportunidade, um convite, então que aprendamos a convidar a paz e a harmonia nos nossos dias.

   Fique assim por uns 2 a 3 minutos e respire se possível pelo nariz, lenta e profundamente, usando o abdômen, expandindo-o  na inspiração e contraindo-o na expiração.  Após esse período sugerido ou que lhe for possível, delicadamente, abra os olhos. Como você se sente? Olhe o mundo ao seu redor…Está mais calmo? Você está agora no que os chineses chamam de estado mental de Qi Gong (diz-se Tchi Kun), ou seja, num estado de EUTIMIA (bem estar do eu). A mente serena pensa melhor, toma decisões mais acertadas. Este simples exercício pode revolucionar o seu bem estar interior e está à sua disposição 24 horas por dia, porque a respiração é o que nos mantém vivos. Podemos aguentar por um certo período a fome , a sede, mas se passarmos cerca de 2 a 3 minutos sem respirar morremos.

   Respirar é o nosso primeiro e último ato nesse plano em que estamos. Respirar bem pode melhorar muito a qualidade de vida. A automassagem chinesa e vários ramos da Medicina Chinesa, assim como o Yoga preconizam a respiração profunda e lenta como forma de gerar saúde. E assim podemos fazer nossos afazeres mais calmos, no aqui e agora e centrados. E tudo isso é de graça. Basta dedicar uns poucos minutos para a pessoa mais importante da sua vida: você mesmo

                          Abraços e boas respirações para todos.

                               Sérgio  Pinheiro Paffer

                             ©Todos os  direitos reservados

                        

                             Imagens: Reprodução..